<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6455201\x26blogName\x3dsomatos+\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dTAN\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://somatos.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://somatos.blogspot.com/\x26vt\x3d-4926936997051577480', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

janeiro 17, 2006

estou apaixonada por um carro, por um gato que não existe, pela perspectiva de aconchego e pela minha energia positiva. mas ontem estava meio apagada.
Blogger ignorantia disse...

um carro, mesmo, mesmo? de andar nas estradas? um automóvel? puxa, se isso é verdade, aqui me tens completamente surpreendida... não se ajusta à minha ideia de cassandra ... :) estas segura que nos estas haciendo bromas?? :)

já pela perspectiva de aconchego, soa já aconchegante apaixonar-se alguém por isso ...

~~marta

17/1/06 22:19  
Blogger cassandra disse...

eu também não quero acreditar, mas olha, o carro é bem giro! o engraçado é que eu não sei conduzir, ainda nem sequer comecei as aulas teóricas e até há pouco tempo era absolutamente contra tudo o que envolvesse beneficiar a indústria petrolífera.

18/1/06 08:48  
Blogger ignorantia disse...

não fazer nada que beneficie uma indústria, bem arranjada estaria eu se me metesse a uma decisão dessas... :) não tenho já idade para compromissos tão deliciosos como esse... hehehe. viveria pior sem um carro, teria menos tempo, iria menos longe, tudo isso. and, as a matter of fact, a car like mine (safe, concise, fast) suits me well.
o que queria dizer na minha, oh cassandra, é que não te imaginava "apaixonada" por um carro. nem a mim imagino, claro. olha, apaixonava-me mais depressa por estes auscultadores que tenho nos ouvidos, onde magdalena kozena canta bach, uma voz, uma música que me endoidecem de paixão, ein feste burg ist unser gott.

um carro é também uma arma, é bom não nos esquecermos disso, os que usamos um por aí.

18/1/06 11:26  
Blogger RuiRomano disse...

Eu sempre desconfiei que a Cassandra era do Tuning.

18/1/06 13:18  
Blogger cassandra disse...

ah, sim! sou do tuning, claro, já se estava a ver uma coisa dessas! :)) é um micra de um vermelho sólido. absolutamente meu (no futuro).

18/1/06 21:24  

diz ...